UA-162067639-1
logo-color-symbol_edited.png
telefone.png
email.png
endereço.png

Dúvidas sobre o exame otoneurológico? 

Separamos abaixo algumas respostas às perguntas e dúvidas mais comuns sobre o exame otoneurológico.

Por que o médico pediu esse exame?

Normalmente o exame otoneurológico é indicado aos pacientes com queixas de tontura, vertigem, desequilíbrio, instabilidade, zumbido, perda auditiva, sensação de cabeça leve/pesada, enxaqueca, enjoo, náusea e vômito, desconforto em veículo, metrô, navio, avião e outros. 

 

Quem solicita o exame otoneurológico?

Geralmente é solicitado por médicos, principalmente otorrinolaringologistas, especialistas no tratamento de ouvido, nariz e garganta ou otoneurologistas, que é uma sub-especialidade dentro da Otorrino. Também é comum ser solicitado por neurologistas, para ajudar no diagnóstico de doenças ou alterações centrais, por geriatras, para diagnóstico e prevenção de quedas, ou mesmo por clínicos gerais e médicos da família. 

Qual a finalidade deste exame?

O objetivo do exame otoneurológico é avaliar o funcionamento dos sistemas auditivo e vestibular (no labirinto) e funções centrais envolvidas no equilíbrio. Ele fornece informações de função como hipo/hiper-reflexia e simetria dos labirintos. O resultado ajuda no diagnóstico de doenças e/ou disfunções que podem causar sintomas vestibulares como tontura, vertigem, desequilíbrio e zumbido. 

Como é realizado o exame otoneurológico completo?

Inicialmente o paciente passa por uma avaliação da audição pela audiometria. Em seguida são realizados testes otoneurológicos, como movimentos oculares como perseguição de alvo, manobras de posição e posicionamento e estímulos térmicos com água ou ar no ouvido, gerando uma resposta com registro computadorizado que será analisada pelo especialista. 

Quais os sintomas posso sentir durante o exame otoneurológico?

Em geral, o exame é bem tolerado, porém isso é muito particular, ou seja, cada pessoa pode responder de uma forma. Algumas pessoas podem sentir tontura, vertigem ou náusea, enquanto outras não sentem nada. É importante salientar que os testes são realizados de acordo com a tolerância e sensibilidade de cada um, podendo ser interrompidos em qualquer momento. 

Quanto tempo demora o exame otoneurológico completo?

Também é uma condição que pode variar de um paciente para outro, mas em média dura 30 minutos para os exames da audição e depois cerca de 60 minutos os testes vestibulares, manobras e oculomotricidade. Tudo depende das respostas do paciente, das limitações, as necessidade de reteste e principalmente a colaboração do paciente. 

Quais os equipamentos utilizados no exame otoneurológico?

O objeto de estudo deste exame é o nistagmo, que é o movimento ocular registrado pelo equipamentos utilizando eletrodos ou câmeras de infravermelho. Existem equipamentos analógicos e os computadorizados que utilizam os eletrodos para o captação das respostas e luz de led para os estímulos. Os equipamentos de última geração, com tecnologia de ponta, utilizam câmeras de infravermelho e os estímulos projetados. O exame é o mesmo, a diferença é que na sensibilidade do teste e precisão das respostas.

 

Qual equipamento é utilizado na Fonotom?

Para o exame otoneurológico, na Fonotom utilizamos um equipamento importado de videonistagmografia (VNG) com duas câmeras infravermelho da marca Interacoustics, para proporcionar aos nossos pacientes a realização do exame com o que tem de mais moderno em equipamentos e com tecnologia de ponta. Além disso, seguimos os protocolos de avaliação utilizados nos principais hospitais de referência em otoneurologia. 

Por que é difícil agendar e encontrar lugares que fazem o exame otoneurológico?

Realmente não é um exame fácil de agendar, principalmente em grandes laboratórios onde é comum fazer exames de sangue. Por ser um exame mais específico, para diagnóstico, é realizado somente em lugares especializados ou em hospitais. Além disso, até por conta dos diferentes equipamentos, o exame otoneurológico pode ser solicitado pelo médico com diferentes nomes, o que pode gerar alguma confusão na hora que o paciente precisa agendar o exame. Por isso, cito abaixo alguns nomes que podem estar no pedido médico e que se referem ao exame otoneurológico: Testes vestibulares, prova calórica, pesquisa do nistagmo optocinético, registro do nistagmo pendular, provas oculomotoras, oculomotricidade, video-oculografia, eletro-oculografia, provas posicionais ou provas de posicionamento, manobra de Dix-Hallpike, eletronistagmografia, testes vestibulares com electronistagmografia, P. Caloricas com vectoeletronistagmografia, vectonistagmografia computadorizada ou VENG, videonistagmografia infravermelha VNG. 

Como é o preparo para o exame otoneurológico?

O exame inclui um preparo simples, como jejum de 3 horas, evitar café e estimulantes no dia do exame e trazer um acompanhante, entre outros. Geralmente os médicos solicitam abstinência de alguns tipos medicamentos para realizar o exame. Para que não fique dúvidas, enviamos o preparo completo assim que o exame for agendado.

Existe contra-indicações ou impedimentos para realizar o exame otoneurológico?

Em princípio, ao solicitar o exame o médico já considerou as limitações do paciente e o considerou apto a realizar o exame, por isso, não há riscos. Alguns tipos de alterações visuais podem comprometer ou limitar os testes, mesmo assim os protocolos podem ser adaptados para avaliar cada paciente. Obstrução do ouvido, geralmente por acúmulo de cerume, podem interferir na avaliação e impedir que algumas provas sejam realizadas. Outra informação importante é que os medicamentos de uso contínuo não devem ser interrompidos no dia nem nos dias que antecedem o exame, a menos que o médico assim tenha solicitado. Para que não haja impedimentos, relate suas dúvidas no agendamento para receber orientações específicas. 

É realizada alguma medicação ou sedação para realizar o exame otoneurológico?

Não. Solicitamos que o paciente traga um acompanhante maior de idade para que no caso do paciente sentir algum desconforto durante o exame, ele não volte desacompanhado para casa, porém o exame não é incapacitante permitindo inclusive que os pacientes voltem as suas atividades normais em seguida.

O exame é realizado com estímulos e movimentos sem uso de nenhum medicamento. Inclusive, os pacientes não devem suspender o uso de nenhum medicamento contínuo ou controlado para realizar o Exame. Qualquer conduta diferente dessa deve ser orientada e prescrita pelo médico.

Quem é o profissional que faz este exame na Fonotom e qual sua formação?

Na FONOTOM, tanto o exame otoneurológico como a reabilitação vestibular são procedimentos realizados pelo Fonoaudiólogo Cleiton Carvalho Fortes, CRFa.2-16967; Mestre pela Santa Casa de São Paulo; Especialista em Audiologia pelo Conselho Federal de Fonoaudiologia, CFFA 6448/16; Especialização em audiologia pelo IEAA; Membro da equipe otoneurologia e pesquisa em reabilitação vestibular no Hospital das Clínicas da FMUSP e Membro e Coordenador do Comitê de Equilíbrio da Sociedade Brasileira de Fonoaudiologia

Ainda tem alguma dúvida? Entre em contato conosco e teremos o maior prazer em responder. 

Agende seu exame

Tags.: Exame otoneurológico completo, #otoneuro, #otoneurologia, #vectonistagmografia computadorizada,  #VENG, #VNG, #videonistagmografia, testes vestibulares com electronistagmografia, testes vestibulares com prova calórica, testes vestibulares com vectoeletronistagmografia, P. calóricas com vectoelectronistagmografia, provas oculomotoras, prova calórica, pesquisa do nistagmo optocinético, registro do nistagmo pendular, otoneurológico com prova calórica a ar, prova calórica bitermal

Galeria de fotos relacionadas ao exame otoneurológico

pesquisa do nistagmo optocinético

FALE CONOSCO:

 

Central de Agendamento

   Telefone: (11) 93392-6028
   WhatsApp: (11) 93392-6028

 

Horário de agendamento

   Segunda à sexta-feira das 8h30 às 17h30

 

E-mail

   contato@fonotom.com.br

Horário de atendimento presencial:

   Segunda à sexta-feira, das 08h30 às 20h30h

   Quando aos sábados, das 8h30 às 14h.

Endereço:

   Avenida Angélica, 1968 sala 64 - Higienópolis,

   São Paulo - SP, 01228-200

Próximo à linha amarela do Metrô, entre as estações Mackenzie e Paulista.

  • Facebook ícone social
  • Instagram
  • YouTube ícone social
  • LinkedIn ícone social

© 2019 por Fonotom